Batizado com nome de ídolo da Lusa, lateral quer evitar queda por Dener

Denner é uma das esperanças da Portuguesa para evitar o rebaixamento à quarta divisão do Brasileirão. Os lusitanos dariam tudo para ser aquele Dener, meia do clube entre 1991 e 93, que morreu em acidente de carro em 94, mas é um lateral-esquerdo de 22 anos que promete se doar ao máximo para honrar o nome que leva justamente por causa de um dos maiores ídolos da história da Lusa.

– Meu avô era muito fã do Dener. Ele pediu para meu pai essa homenagem, de colocar no meu nome. Meu pai aceitou na hora. Vou jogar para honrar o nome que eu tenho. Ele foi o maior jogador que passou pela Portuguesa. Quando cheguei, brincaram comigo: “Se você for do mesmo nível do Dener, estamos feitos”. Estou muito longe de chegar em um pouco do que ele fez pela Lusa, mas vou me dedicar ao máximo para não cairmos – afirma o lateral.

LEIA TAMBÉM: Jogo da vida para a Portuguesa não será no Canindé por evento de igreja

Além de ser apreciador dos vídeos do ex-meia, Denner tem as raízes no clube. O primeiro time do lateral foi a Lusa. Aos cinco anos, foi jogar bola com o pai, viu propaganda da escolinha da Portuguesa e decidiu que jogaria lá. Em quatro meses, destacou-se pela equipe de futsal e permaneceu na Portuguesa por três anos, até ser chamado para jogar pelo Corinthians, onde teve o maior período de formação da base e chegou à equipe profissional.

Dener Portuguesa (Foto: www.acervodalusa.com.br)

Após mais de uma década, o lateral retornou a Lusa, a convite do treinador Jorginho, substituído por Márcio Ribeiro em agosto, para tentar tirar o clube da situação atual.

– Neste momento, não ter que falar nada. Tem que jogar. Já fizemos muitas reuniões, conversamos bastante. Não deu certo. Tem que calar a boca e agir. Só falar não deu jeito. Cada um tem que focar no seu dever. Atacante fazer gol. Zagueiro marcar. Tem que dar 100%. Se cada um for perfeito em sua melhor qualidade, vamos conseguir escapar – disse Denner.

Dentro do elenco, o clima é de confiança, apesar de saber que será difícil fugir da queda. A Lusa não depende de si para ficar na Série C. Os jogadores estão unidos na torcida contra o Macaé. O clube carioca está a quatro pontos da Lusa, faltando dois jogos para o final do campeonato.

 

– Pelo o que vi no treinamento da última terça, ninguém desistiu. Não falta vontade, às vezes falta técnica em algumas jogadas. Infelizmente, o resultado não está vindo. Não sei o que falar. O clima é muito bom. Quem nos acompanha, sabe que não estamos de sacanagem. Nos jogos, acontecem coisas que não acreditamos. Parece que a bola não quer entrar.

 

Denner, lateral-esquerdo Corinthians (Foto: Divulgação/ Agência Corinthians)

Nesta semana, o grupo terá um período maior de concentração no centro de treinamento, visando a partida de domingo, contra o Guaratinguetá, em Osasco, pela penúltima rodada da Série C. Denner garante que o relacionamento entre os jogadores não mudará nesta reta final.

– Se deixar de fazer aquela coisa de costume, muda até dentro de campo. Não tem porque mudar videogame, poker, baralho, resenha… Continua a mesma coisa. Ficamos cabisbaixos, mas estamos muito unidos para tirar a Portuguesa de onde ela chegou.

No votes yet.
Please wait...
Voting is currently disabled, data maintenance in progress.

Comments

comments

2 comentários em “Batizado com nome de ídolo da Lusa, lateral quer evitar queda por Dener

Fechado para comentários.